in

Papa Francisco recomenda psiquiatria para crianças homossexuais

O Papa Francisco recomendou que os pais recorram à psiquiatria quando constatarem tendências homossexuais nos seus filhos na infância, na entrevista que realizou recentemente.

“Eu diria, em primeiro lugar, que rezem, que não condenem, que dialoguem, que deem espaço ao filho ou filha”, disse o papa, após ser questionado por um jornalista acerca do que diria aos pais que observam orientações homossexuais em seus filhos. Francisco ainda destacou que os pais devem levar em consideração a idade da criança.

“Quando é observado a partir da infância, há muito a fazer através da psiquiatria, para ver como são as coisas. É outra coisa quando se manifesta depois dos 20 anos”, continuou. Por outro lado, o Papa pediu que as famílias não condenem nem ignorem a orientação sexual dos filhos, nem os expulsem de casa. Em vez disso, devem orar, conversar e tentar compreender.

“Nunca direi que o silêncio é um remédio. Ignorar o seu filho ou filha com tendências homossexuais é uma falha da paternidade ou maternidade”, afirmou o Papa. “Essa criança tem direito a uma família”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Setembro trará, entre outras novidades, um hot sweet boy

Miguel Soromenho Pereira, o Spicy Boy do mês de Setembro